22.1.16

Utopia


Que vivemos em uma constante utopia a maioria aqui já sabe, mas, primeiramente, vocês sabem o que realmente consiste essa palavrinha e qual seu real significado cotidiano? E sabem o porquê de insistirmos sempre em viver de tal maneira?! Bom, respondendo a primeira questão, de acordo com o dicionário do Google, utopia é nada menos que “... um sistema ou plano que parece irrealizável, é uma fantasia, um devaneio, uma ilusão, um sonho”, do grego “ou+topos” que significa “lugar que não existe”. E falando do cotidiano, digo que, utopia é nada menos que a idealização que nós, seres humanos, fazemos questão de viver com embasamento em tal. Vivemos, ou melhor, sobrevivemos através dessa palavra. É loucura pensar que isso descreve bem a civilização atual.

Estudiosos acreditam que a idealização convém de uma baixa autoestima do ser humano, portanto, buscam em tudo e em todos, enxergar e transformar a capacitação do que se pode julgar perfeito. Tal fator contribui para que no fim as pessoas sofram desilusões e acabam se ferindo de maneira significativa. Mas, será mesmo que a utopia cotidiana seja simplesmente um fator relacionado à baixa autoestima?

Acho que não. Se fosse apenas por isso, garanto que todos nós seriamos só mais uma vítima disso e todos teriam que fazer terapia. Até que não seria algo tão impossível e absurdo de ser dito. Mas, acredito que a utopia e todos esses devaneios da realidade é simplesmente o motivo para que todos nós ainda vivemos nesse planeta, na qual foi nomeada de Terra. Veja só, qual o motivo de viver se não idealizamos algo? Que graça teria viver em um eterno “tédio urbano, sufoco cotidiano”? Idealizamos, porque sonhamos e se fazemos isso é  porque temos que viver com nossas ideias e questionamentos para realizar, fazer e progredir nesse mundo que para nós é tão extenso e desconhecido. Se não fossem as idealizações, não seria possível sobreviver. Tudo bem que isso nos torna mais favorável à uma decepção e uma tristeza certeira, mas se não tivéssemos essa vontade de idealizar e querer correr atrás para que se realize, se não vivêssemos nessa utopia, qual outro motivo teríamos para viver?!

Complexo. Não há resposta certa para uma questão tão ampla. Certamente, não encontraremos uma resposta correta, como nas exatas, para isso. Há inúmeras respostas para um mesmo problema. Eu dou minha opinião, mas, isso não quer dizer que terão a mesma.

Por tanto, sobre tal assunto, acabo concluindo, que seria bom cada um questionar sobre essa imensa utopia. Porque vivemos nela e não conseguimos nos libertar? Sem utopia ou idealização, não existiria sonhos e não teria vontade de realizá-los, não existiria objetivos, nem respostas, sentimento ou qualquer outra coisa que somos capazes de criar. Utopia é algo fantástico, “impossível de ser realizado”, mas, jura que vivendo nessa imensidão é possível acreditar no impossível? Impossível é não ter capacidade de pensar e imaginar. Se idealiza algo, independente do que for, é porque tens direito e dever de tentar realizar e ser feliz. Todos os dias descobrimos algo novo e vivenciamos o desenvolvimento das menores até as maiores coisas. Parem de acreditar que o significado de utopia é ruim, pois, sinceramente? Não é.  Pensem nisso. 


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Publicidade

SheIn -Your Online Fashion Sexy dresses

Publicidade

Romwe Fall Coats

Publicidade

Subscribe