2.10.15

Sorrisos


Já pararam para pensar o que um sorriso pode provocar em um emissor ou em um receptor? Um sorriso é capaz de provocar não apenas um sentimento, mas milhares deles; e a maioria eles são apenas consequências da alegria que consiste em nosso interior. Um sorriso consiste em dois caminhos distintos: em quem dá o sorriso e que o recebe. No emissor o sorriso é resultado da alegria, da paz no coração, no amor à flor da pele, é calma, mas também é repressão, é uma mistura de tudo e mais um pouco. No receptor é alívio, mas é nervosismo, é saber que existe um sentimento recíproco, é alegria, é saber que está valendo a pena. É a sensação de explosões finitas dentro de si. E tudo isso se resume em duas palavras e uma controversa: amor e/ou ódio e arrepio. 

"Por que sorrimos?" De acordo com pesquisas feitas, sorrimos por prazer, por alegriae isso parece obvio. E esse ato feito pelo ser vivo e mais especificamente pelo ser humano é mais complexo do que imaginamos. Sorrir é muito mais do que apenas "abrir a boca e mostrar os dentes". Há muitas formas e motivos para sorrisos e em cada um há uma significação e interpretação. Há dois tipos fáceis de dizer, além de explicar a motivação.

Primeiro: nem todas as vezes que sorrimos é porque estamos realmente contentes. As vezes sorrimos apenas porque o receptor precisa, sorriso também é equilíbrio e ponto de apoio. E isso acontece também, quando precisamos sorrir, apenas, por exemplo, por educação. E isso resulta no famoso sorriso amarelo/falso. Mas alguns enganam, pois os sorrisos de apoio apesar de falsos parecem verdadeiros. Porque isso? Porque sorrisos tem a simples interpretação de ser uma consequência da alegria. Então, se esse sorriso não é de alegria, pode ser considerado um sorriso falso, certo? 

Segundo: E os verdadeiros. Aqueles sorrisos que não sabemos o por que de estarmos dando, aquele que não temos consciência de que estamos sorrindo e quando se dá conta, ja contagiou ao seu redor. É a gargalhada, é aquele sorriso que é aparente até a gengiva, é sorriso gostoso. É alegria transbordando em seu eu. É vontade de gritar e mostrar esse sorriso para o mundo. 


Como esses básicos, há vários outros tipos de sorrisos, como: os de ironia, de cansaço, tédio, apaixonado, irritado, malicioso, maldoso, entre vários outros. E cada um tem suas diferenciações e motivos, por mais semelhantes que pareçam cada um desses tem suas individualidades. 

Então, sorria! Simples, sorria, tendo motivos ou não. Não se prive de uma das coisas mais simples e belas. Sorrir é lindo e uma das poucas coisas que a vida nos proporciona, é quase inconsciente. Chorar é bom, mas sorrir é bem melhor. Dizia Frejat em uma de suas músicas " rir é bom, mas rir de tudo é desespero." e eu discordo dele totalmente, se quer sorrir, sorria! Sem medo, sem restrições. Para sorrir não há tempo, nem hora, nem motivo. Já sorriu hoje? Já fez alguém sorrir? Não? O que está esperando?! Vá lá, viva! A vida é curta para nos privarmos de coisas boas! Aproveitem e faça a diferença. Pequenas atitudes salvam vidas. E está na hora de começar a fazer isso, não acha? 

E hoje termino o post com a frase de William James, e peço a vocês que parem e pensem sobre e me contem depois sobre tudo isso, ta bom?! 

" Nós não sorrimos porque somos felizes, nós somos felizes porque sorrimos." 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Publicidade

SheIn -Your Online Fashion Sexy dresses

Publicidade

Romwe Fall Coats

Publicidade

Subscribe